quinta-feira, 14 de novembro de 2013

A HIPERTENSÃO E O PROFISSIONAL



Geralmente ouvimos falar de doenças crônicas não-transmissíveis, uma delas é a HIPERTENSÃO ARTERIAL, vem apresentando um aumento significativo nas ultimas décadas. Vale apena lembrar que a hipertensão arterial é responsável por um grande numero de óbitos em todo pais e mundo.
Em uma das cidades paulistas a prevalência de morte por hipertensão no ano de 1997 foi de 32% em uma população de idade entre 30 a 69 anos, é importante dizer que mesmo esses dados sendo de anos anteriores, estou apresentando dados atualizados de 2013:


A hipertensão causa anualmente a morte de 9,4 milhões de pessoas no mundo e é responsável por 45% dos ataques cardíacos e 51% dos derrames cerebrais, aponta um levantamento divulgado no mês de outubro de 2013 pela Organização Mundial de Saúde.
Por conta disso a entidade elegeu a doença crônica como tema do Dia Mundial da Saúde em 2013, que vai ocorrer em 7 de abril, data em que se comemora o aniversário de criação da OMS.
É muito importante para nós profissionais de áreas afins, entender que exames de rotina deverá ser feito com a consulta a um Cardiologista. Portanto comece a se programar para que na próxima semana seu nome esteja na agenda de um Cardiologista.

E só para sua atenção, a Hipertensão Arterial é uma doença silenciosa e que muitas vezes é mascarada por alguns sintomas como uma simples “dor de cabeça”.
Nesse alerta gostaria de deixar uma frase: “Não espere o coração parar, pare você! Antes que ele pare para sempre”

Assista esse vídeo ele pode te ajudar!

clique na imagem

Abraços;
Tenório
Diretor e webmaster – gestão de pessoas MBA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário